Seminário de Viamão realiza rito de admissão e seminaristas retomam atividades

No sábado, 27 de fevereiro, os seminaristas Gustavo Ávila, Marcelo Ramos, Marcelo Bihre e Miguel Endres foram admitidos às Ordens Sacras pelo arcebispo de Porto Alegre, Dom Jaime Spengler, com a presença reduzida de alguns familiares e a participação dos seminaristas residentes. O rito de admissão às Ordens Sacras destina-se aos que aspiram ao Diaconado e, posteriormente, ao Presbiterado para que manifestem publicamente a sua vontade de se doar a Deus e à Igreja, para exercer a Ordem Sagrada. A Igreja, aceitando esta doação, escolhe-o e chama-o, a fim de se preparar para receber a Sagrada Ordem, passando assim a ser contado legitimamente entre os candidatos ao Diaconado e ao Presbiterado.

"Minha expectativa como seminarista - agora admitido oficialmente à Teologia - é a de dedicar-me à formação inicial, a fim de servir à Igreja da melhor forma possível, procurando sempre fazer a vontade de Deus" - Marcelo Ramos, 23 anos, de Alvorada.

 

“Depois de 3 anos na Etapa do Discipulado (Filosofia) chego à Etapa da Configuração (Teologia) com a expectativa de cada vez mais ser configurado e unido a Cristo Bom Pastor. Ele é o exemplo de pastoreio e, com a ajuda dos padres formadores, quero poder também participar um dia desse ministério. Sempre me apoiando no colo (e na intercessão) da Mãe de Lourdes.” Miguel Endres, 21 anos, Paróquia Nossa Senhora de Lourdes/Porto Alegre.
 

O Seminário Maior de Viamão retomou suas atividades no dia 17 de fevereiro e para a abertura do semestre foi realizada a Missa de Cinzas presidida pelo reitor, padre José Flach. No início de dezembro do ano passado, os seminaristas saíram em férias para reencontrar suas famílias, descansar e conviver com sua comunidade de origem. Entre os dias 18, 19 e 20 de fevereiro todos participaram da formação de férias, com temas propostos pelos próprios seminaristas (discipulado - Filosofia): Civilização e Fé Cristã (professor Elton Somensi de Oliveira, professor da PUCRS), Teologia Espiritual Patrística (pe. Felipe Konzen, reitor do Seminário de Novo Hamburgo), Revelação e Filosofia (professor Draiton Gonzaga de Souza, decano da Escola de Humanidades da PUCRS).

A configuração (Teologia) teve como temas: Projeto Pastoral (com pe. Rafael Fernandes), Prática Litúrgica (pe. Luciano Massulo) e Antropologia Teológica (com Dom Leomar). No dia 21, os seminaristas iniciaram o retiro anual, realizado no Cecrei, em São Leopoldo, com término no dia 25 de fevereiro e as aulas tiveram início no dia 3 de março, no formato online.

Completos os estudos filosóficos na Etapa do Discipulado (com o auxílio do padre Rafael Martins e do padre Carlos Steffen) os seminaristas autorizados começam os estudos teológicos (com o auxílio do padre José Flach). “Esse tempo de pandemia tem gerado preocupações, angústias, mas também reflexões e aspirações acerca de como ser seminarista nesse tempo, de como ‘fazer pastoral’ e de estar junto do povo de Deus. Da mesma forma, como ser os futuros padres no pós-pandemia”, falou o reitor, padre José Flach, sobre as reflexões que o tempo atual tem gerado nos seminaristas. “Esse tempo mostra que é preciso ser, de fato, homens de Deus que apresentam a verdadeira esperança que é Jesus Cristo. Aquele que ‘olhou e chamou’ a cada um de nós. Desta forma, um chamado vocacional em vista de uma entrega total à Providência Divina. Em tempo de isolamento e distanciamento, permanecemos próximos de todos através de nossas orações, nas quais rezamos por todos irmãos e irmãs de nossa arquidiocese”, concluiu padre Flach.

Seminaristas

A comunidade do Seminário Maior de Viamão conta com 31 seminaristas: 23 residentes (1º Ano Discipulado: Lucas, Ismael, Paulo e Vitor; 2º ano: Luan, Gustavo T. e Rodrigo N.; 3º ano: Cristian, Natan e Marcelo S.; 1º Ano Configuração: Gustavo A.; Miguel; Marcelo R.; Marcelo B.; 2º Ano: Matheus B.; Pedro; 3º Ano: Artur, Bruno, Charles e Marto; 4º Ano: Darlan, Lucas, Rodrigo R.), 6 no Ano Pastoral (Aluisio, Charles K., Darton, Danton, Marcus, Henrique), 2 estagiários (Leonardo e Eduardo), além dos três padres formadores: José Flach (reitor e assistente da Configuração), Carlos Steffen (vice-reitor e formador do Discipulado) e o padre Rafael Fernandes (diretor Espiritual); seminaristas: Artur Rossi e Miguel Endres.

(FOTOS: Pedro Kauffman)



Autor:
Patricia Damaceno (ASCOM)

Fonte:
Ascom

Tags: